tímidos versos

Valdir Barreto Ramos

Textos


LUISA
 
Que linda!
Não sei se é fada.
Não sei se é sereia.
Parece a lua
Que a noite prateia.
Não sei se é rosa
Não sei se é jasmim
Só sei que é bela
E enfeita o jardim.
Que linda!
Um canto que encanta,
Tal qual a cigarra
Que em fim de tarde
Se põe a cantar.
Tão bela menina
Com voz que fascina
Com canto que parece
Um jeito de ninar.
 

Este texto está protegido por lei.
Reservados os direitos autorais.
Proibida a cópia ou a reprodução

sem prévia autorização.

www.ramos.prosaeverso.net

*Foto utilizada com a permissão da mãe Danielle Lagrutta

 
Valdir Barreto Ramos
Enviado por Valdir Barreto Ramos em 16/11/2018
Alterado em 16/11/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras